MPE – Micro e pequenas empresas… Não seria a mesma coisa? Apesar de apresentarem características parecidas, estes dois negócios são diferentes.

Apesar de distintos, a importância das micro e pequenas empresas é tamanha, isso porque correspondem a mais de 90% das empresas brasileiras.

Sejam elas micro e pequenas empresas, todos concordam que são extremamente essenciais para a economia de nosso país e diante disso, tem adquirido facilidades e políticas específicas que facilitam a permanência destas no mercado. 

Antes de entender um pouco mais sobre a importância das micro e pequenas empresas, vamos falar um pouco sobre as diferenças e especificações de cada uma.

Confira após publicidade:

Diferenças entre as micro e as pequenas empresas

Temos a certeza de que as micro e pequenas empresas estão em constante evolução e crescimento no mercado, o que representa um negócio positivo para os investidores e para a economia do país.

Para entender as diferenças entre as micro e as pequenas empresas, de acordo com o Sebrae, basta se basear no número de funcionários. De uma maneira prática, seria:

  • 1- Micro Empresa: no comércio e/ou serviços se é empregado um número de até 9 colaboradores. No setor industrial ou construção, seria até 19 pessoas.
  • 2- Pequena Empresa: no comércio e/ou serviços emprega um número de 10 a 49 colaboradores. No setor industrial ou construção, de 20 a 99 pessoas.

São várias as empresas que compõem esta categoria da MPE, são serviços como:

importância das MPE'S
O mercado da beleza cresce cada vez mais no Brasil e é uma opção favorável para quem quer abrir o próprio negócio.

O que é a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas?

Várias pessoas não sabem, existe uma legislação específica que foi criada para proteger as MPE’s.

Instituída em 2006, a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas possui o objetivo de promover ações que preveem o favorecimento ao desenvolvimento às micro e pequenas empresas.

Além disso, são responsáveis por criar facilidades tributárias, para a geração contínua de emprego, distribuição de renda, redução de informalidades e promoção da inclusão social para o fortalecimento da economia. 

A Lei Geral oferece vários benefícios em proteção a as MPE’s como:

  • Simplificar os processos burocráticos
  • Facilitar o acesso ao mercado, à justiça e a obtenção de crédito 
  • Promove estímulos à exportação e à inovação.

Confira após publicidade:

A Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas busca proporcionar constantes melhorias no campo dos negócios, com ampliação do mercado consumidor, para o bom desempenho dos negócios. Então, esta lei é de extrema relevância e é necessário a sua permanência, com ações que incentivem e qualifiquem os empreendedores das micro e pequenas empresas.

De maneira isolada, estas empresas podem até não parecer significativas, mas, em conjunto, são fator determinante para o crescimento da economia.

A importância das MPE’s

Atualmente, as MPE’s representam mais de 60% dos empregos no país. Estas, possuem papel fundamental para a economia no Brasil. São responsáveis por um alto valor de faturamento que constantemente contratam mão de obra formal.

Estas são importantes tanto pelo crescimento da economia, quanto para a geração de empregos. Vimos, neste último ano, inúmeras incertezas causadas pela pandemia do coronavírus; porém, as micro e pequenas empresas, com sua velocidade e flexibilidade proporcionam maiores possibilidades de impulsionar e reerguer muitas áreas do mercado e da economia brasileira neste ano de 2021. 

Confira após publicidade:

A importância das micro e pequenas empresas está ainda maior aqui, foram estas que deram força às engrenagens do desenvolvimento da economia do país em meio às turbulências e oscilações econômicas.

Em um cenário de instabilidade e incertezas,  mesmo com fortes impactos e quedas, foram as MPE’s o motor de reabilitação que conseguiram recuperar empregos e acelerar a produtividade.

Todos os dias, brasileiros e brasileiras acordam com novas ideias e desejos de crescimento, com anseio de que grandes negócios se realizem. Nada mais produtivo que investir nesta mente e gerar o crescimento de nosso país.

Gostou do conteúdo? Saiba mais sobre dicas, curiosidades e assuntos como este!